Buscar
  • Rede sem Fronteiras

Conselho consultivo da Ouvidoria dialoga sobre o caso Moïse

Na tarde de 7 de março, o Conselho Consultivo da Ouvidoria-Geral da DPESP se reuniu com o Defensor Público-Geral do Rio de Janeiro, Rodrigo Pacheco, com o objetivo de dialogar sobre a situação processual e atendimento à família do migrante Moïse Kabagambe, brutalmente assassinado no Rio de Janeiro.


Na ocasião, Rodrigo Mondego, advogado que compõe a Comissão de Direitos Humanos da OAB- RJ e atua no caso de Moiïse, compartilhou o cenário de investigações e encaminhamentos que têm sido dados ao caso.


O Defensor Público-Geral do Rio e Ouvidor-Geral da DPERJ, Guilherme Pimentel, descreveram as ações que estão sendo tomadas no âmbito cível e com relação ao apoio prestado à família, além de medidas estruturais buscando enfrentar as violações aos direitos de pessoas migrantes.


Durante a reunião, o Ouvidor-Geral da DPESP, Willian Fernandes, reforçou que a Ouvidoria e Conselho Consultivo de SP querem se somar às iniciativas que estão sendo tomadas e nesse sentido, o Conselheiro Rogério Sotilli ressaltou a importância das conexões entre as Ouvidorias de Defensorias, se colocando à disposição para contribuir com as articulações e estratégias que estão sendo desenhadas.


O Conselheiro Paulo Illes destacou que, a partir do episódio brutal, as prefeituras e poder público devem construir políticas públicas para evitar a repetição de violações contra migrantes e pessoas refugiadas.


Já a Conselheira Rosana Pierucetti saudou a atuação da Defensoria do RJ e da Comissão de Direitos Humanos da OAB, reforçando a importância de se prestar apoio às mulheres familiares de vítimas de direitos humanos.



0 visualização0 comentário