Buscar
  • Rede sem Fronteiras

Movimentos sociais intercontinentais convocam debate sobre o Fórum Social Mundial de Migrações

Nota de prensa disponible en: : Español, English , Français y Portuguese.


ENTREFOROS: Uma jornada de trabalho envolvendo movimentos sociais de diferentes continentes está prevista para ser realizada durante o Fórum Social Mundial – FSM que acontece entre os dias 01 e 06 de maio de 2022, na Cidade do México. O último Fórum Social Mundial de Migrações teve lugar em dezembro de 2018, também na cidade do México. Desde então, foram realizados os Fóruns Sociais Américas de Migração (FSAM) e o Fórum Social Europeu de Migração (FSEM), ambos de forma virtual entre 2020 e 2021. Uma edição de um Fórum Africano está em processo de construção e poderá acontecer ainda este ano.


A convocatória assinada por um conjunto de organizações quer debater uma revitalização da metodologia de organização do Fórum Social Mundial de Migrações e, a partir da experiência dos fóruns regionais, realizar um balanço destes processos, suas contribuições, impactos e perspectivas, em um movimento de pensamento e construção de ações futuras. Para onde irá o Fórum Social Mundial de Migrações? Quais instâncias de organização e de participação é possível ser construída?


Os fóruns regionais realizados desde Montevideo e Lisboa foram capazes de mobilizar mais de 1.500 participações individuais ou de representantes de aproximadamente 600 organizações da sociedade civil, associações de imigrantes, sindicatos, coletivos, governos locais, instituições públicas e acadêmicas. Em ambas as edições, os migrantes desempenharam um papel fundamental no processo de construção das propostas que foram pactuadas. Tanto o FSAM quanto o FSEM - especialmente em um contexto de pandemia - se mostraram oportunidades eficazes para aprofundar as discussões orientadas pela sociedade civil internacional e pelos migrantes. É preciso, agora, mais do que nunca, levantar conjuntamente propostas e alternativas para a construção de garantias do direito de migrar e de migrar com direitos.


Não é novidade que todo o mundo tenha decidido implementar medidas para controlar e restringir a mobilidade humana devido à disseminação contínua do COVID-19, e que, dentro desse contexto de guerras e de fechamento de fronteiras, várias violações sistêmicas dos direitos humanos têm ocorrido. Desde março de 2020, os migrantes e requerentes de asilo são os que mais sofreram com a falta de garantias à sua proteção. A criminalização da solidariedade, a necropolítica e a violação dos direitos dos migrantes previstos nos acordos internacionais foram constantes. A restrição da liberdade de circulação, o encerramento das fronteiras externas e, em certos casos, a suspensão do direito de requerer asilo tanto na América Latina como na Europa, contrariaram a prática da migração regular.


Essas políticas de fechamento, adotadas como parte da luta contra a pandemia, expuseram e continuaram, de diferentes maneiras, a expor a população migrante e refugiada à vulnerabilidades sociais e econômicas. Migrantes e requerentes de asilo foram detidos em zonas de trânsito, colocados em quarentena em campos de refugiados ou centros de detenção privados de liberdade, sem acesso a abrigo decente, comida e sem possibilidade de regularização e reconhecimento da sua condição de requerentes de asilo. A população migrante segue sendo frequentemente discriminada e excluída das políticas de apoio social por governos e estados: os migrantes não têm tido acesso a políticas econômicas e de apoio e, muitos deles, perderam seus empregos ou fonte de renda, tendo sido privados até mesmo de se reunir com suas famílias.


Serviço


ENTREFOROS-Migrações: Atividade de registo no FSM/México


Programa:

3 de maio: Workshop 1: Fazendo um balanço dos Fóruns Regionais 10 às 12:00 hs.

3 de maio: Workshop 2: Debates Temáticos 1400 às 16h

4 de maio: Workshop 3: Estratégias e Perspectivas 10-12.00


A atividade será realizada PRESENCIAL/VIRTUAL com registro prévio através do Eventbrite, com transmissão através do canal Youtube.


Inscrição: https://www.eventbrite.com.br/e/entre-foros-migraciones-tickets-318709397387"


Organizações:


Asia Europe People's Forum (AEPF)

Centre de Recherche et d’Information pour le Développement (CRID)

Centro de Direitos Humanos e Cidadania do Imigrante (CDHIC)

Comité Catholique contre la Faim et pour le Développement-Terre Solidaire (CCFD-Terre Solidaire)

Diáspora Sem Fronteiras (DSF)

Foro de los Pueblos de Asia-Europa (AEPF)

Fórum popular da Natureza

Grito dos Excluídos Continental

L’Organisation pour une Citoyenneté Universelle (O.C.U.)

Pinches Artistas

Rede Sem Fronteiras (RSF)

Service National Mission et Migrations (SNMM)

Transnational Institute (TNI)

Transnational Migrant Platform-Europe (TMP-E)



46 visualizações0 comentário